All fields with a star (*) are mandatory and must have an entry.

Create Download

Tamanho máximo para envio: 5,00 MB
Allowed file extensions: zip, rar, pdf, txt
Allowed maximum size: 5120 KB

Tamanho máximo para envio: 5,00 MB
Allowed file extensions: mp3, mp4
Allowed maximum size: 5120 KB
External File
First Mirror
Second Mirror
Últimas notícias de economia, política, carros, emprego, educação, ciência, saúde, cultura do Brasil e do mundo. Vídeos dos telejornais da TV Globo e da GloboNews.
  • Cooperativas de crédito são boa opção para realizar sonhos e projetos

    Uma cooperativa de crédito pode ser o melhor caminho para realizar sonhos ou projetos de vida As instituições financeiras cooperativas oferecem os mesmos produtos e serviços de um banco, com muitas vantagens, pois não visam lucro e têm tarifas e juros menores do que a média praticada no mercado pelos bancos. Segundo dados da Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac) e informações do Banco Central do Brasil, verificou-se que em 2016 no cartão de crédito a diferença entre cooperativas e bancos foi de 5,05% nos juros ao mês, 3,10% no cheque especial e 2,81% ao mês no crédito pessoal. Todas essas e outras vantagens ajudam na hora do cooperado realizar o seu sonho, seja financiar uma viagem, pagar os estudos, comprar um automóvel, uma casa, uma moto, um trator, expandir o seu negócio, no campo ou na cidade. Divulgação Pexels Embora as cooperativas de crédito também tenham foco no financeiro, por seus princípios e a legislação pertinente, conseguem o melhor equilíbrio entre o econômico e o social. Uma cooperativa de crédito (ou cooperativa financeira) é uma associação de pessoas, sem fins lucrativos, com natureza jurídica própria, integrante do Sistema Financeiro Nacional e destinada a propiciar crédito e produtos financeiros exclusivamente a seus associados. O associado é atendido na cooperativa não como um simples cliente, mas como um dos seus donos. E, no início de cada ano, na Assembleia Geral Ordinária, os associados decidem sobre a destinação das sobras (lucro), que após cumprir as definições estatutárias, costuma retornar para o cooperado em cota-capital ou diretamente na conta corrente. Os principais sistemas de cooperativas de crédito do Brasil são o Sicoob, Sicredi, Unicred, Cecred, Confesol e Uniprime. O Sicoob é o maior deles, presente em todos os estados e no Distrito Federal. São mais de 4 milhões de cooperados em 1.592 municípios. Por toda essa capilaridade, as cooperativas são um importante agente para a concretização de projetos tanto de pessoas físicas quanto jurídicas. Fonte: Sicoob Central SC/RS – Assessoria de Imprensa.
  • Fachin manda recurso de Lula contra prisão para julgamento em plenário virtual
    Caso será julgado pelos cinco ministros da Segunda Turma do Supremo em uma plataforma interna da Corte. No recurso, defesa questiona prisão antes de esgotados recursos de Lula no TRF. O ministro Luiz Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, liberou nesta segunda-feira (23) para julgamento em plenário virtual na Segunda Turma um recurso do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva contra a prisão. O caso será julgado virtualmente entre os dias 4 e 10 de maio pelos ministros em uma plataforma interna do STF, na qual cada ministro expõe sua posição. No dia em que Lula se entregou, Fachin rejeitou um pedido da defesa contra a ordem de prisão determinada pelo juiz Sérgio Moro após o Tribunal Regional Federal da 4ª Região manter a condenação pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Fachin destacou que a existência de embargos de declaração pendentes não impedia a execução da pena. A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, também opinou que recursos para tribunais superiores não impedem a prisão. A defesa de Lula recorreu dizendo que a prisão não poderia ser decretada antes de esgotados os recursos. Agora, esse recurso será julgado no plenário virtual pelos ministros Fachin, Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski, Dias Toffoli e Celso de Mello.
  • Mostra com trabalhos artísticos de detentos está em cartaz em São João del Rei

    Pintura, artesanato e fotografia foram produzidos por recuperandos da Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (Apac). Visitação pode ser feita até 27 de maio. Exposição é realizada no Centro Cultural da Universidade Federal de São João del Rei Carol Rodrigues/Arquivo Pessoal Está em cartaz até dia 27 de maio a exposição "A Arte Liberta" em São João del Rei. Entre fotografias, pinturas, colchas e outros artigos, a mostra expõe trabalhos feitos por recuperandos da Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (Apac). A entrada é gratuita e a visitação pode ser feita de segunda a domingo, das 08h às 20h, no Centro Cultural da Universidade Federal de São João del Rei. Composta por três setores, o objetivo é mostrar à sociedade como o incentivo artístico contribui para a recuperação dos detentos e desperta dons artísticos, deixando claro que a arte não tem restrição e nem donos. Fotografias feitas durante curso de aperfeiçoamento Carol Rodrigues/UFSJ O primeiro setor, chamado de "A Estrela", mostra fotografias feitas pelos internos durante um curso de capacitação. Com duração de uma semana, a atividade resultou na produção de uma revista com fotos e matérias produzidas exclusivamente pelos assistidos. Já o segundo setor é o "Labor", que estarão expostos artigos artesanais feitos pelos detentos do regime fechado. De acordo com a assessoria da Apac, a laborterapia é uma ferramenta psicológica que visa despertar uma conscientização no preso enquanto ele faz os artesanatos. "Todas as peças têm algo de importante. Esses trabalhos refletem a vida dos recuperandos e o que nós falamos lá na Apac é que é importante eles construírem as peças e constituírem um pensamento sobre o erro, sobre o que eles pensam sobre mudança de vida. Tudo exposto é muito individual", explica Rafaella Vieira. O último setor, intitulado "Garimpo", mostra os trabalhos externos realizados pela associação, onde são produzidos móveis de madeira, além de peças de ferro, lustres e outros. Recuperandos expõem fotografias, pinturas e artesanatos Carol Raodrigues/UFSJ Mesas redondas compõem exposição Durante a exposição, a associação realizará cinco mesas redondas às quintas-feiras, onde serão debatidos assuntos como a Metodologia da Apac, a Educação no Sistema Penitenciário e o debate sobre a mulher no cárcere, com a presença do fotógrafo Leo Drummond e a jornalista Natália Martino, autores do fotolivro "Mães do Cárcere". Veja a programação A poder do educador social e do trabalho voluntário Dia: 26 de abril Horário: 18h Metodologia APAC Dia: 3 de maio Horário: 18h Mães do Cárcere e A Estrela Dia: 10 de maio Horário: 18h A educação nas Apac – UFSJ E UNIPTAN Dia: 17 de maio Horário: 18h Saúde nas unidades prisionais Dia: 24 de maio Horário: 18h Veja algumas fotos Exposição segue até dia 27 de maio Carol Rodrigues/UFSJ Retalhos para exposição Carol Rodrigues/UFSJ Peças de artesanato também estão entre as peças expostas Carol Rodrigues/UFSJ Visitação pode ser feita de segunda a domingo, das 08h às 20h Carol Rodrigues/UFSJ